???jsp.display-item.identifier??? https://repositorio.unipampa.edu.br/jspui/handle/riu/7195
Tipo: Tese
metadata.dc.title: Toxicidade do fungicida Mancozeb em larvas de Peixe-zebra Danio rerio (Hamilton, 1822) sobre parâmetros bioquímicos e comportamentais
Autor(es): Martins , Illana Kemmerich
Primeiro Orientador: Posser, Thaís
Coorientador: Franco , Jeferson Luis
1° Membro da banca: Costa-Silva, Dennis Guilherme
2° Membro da banca: Carvalho, Nélson Rodrigues de
3° Membro da banca: Nunes, Mauro Eugênio Medina
Resumo: O uso exacerbado de agroquímicos compromete a qualidade ambiental e causa danos a organismos não-alvo. O mancozeb (MZ) é um fungicida amplamente utilizado na agricultura em diversas culturas, alguns aspectos deste composto como instabilidade, decomposição e interações com o meio ambiente têm motivado estudos sobre a toxicidade do MZ em organismos aquáticos. O presente estudo avalia os efeitos da exposição ao fungicida MZ sobre as vias de sinalização celular na fase larval de Danio rerio (peixe-zebra). Larvas de peixe-zebra aos 4, 5 e 6 dias pós fertilização (dpf) foram expostas a MZ por até 72 horas a concentrações ambientalmente relevantes. Os resultados não mostraram alterações na mortalidade das larvas por MZ, entretanto, parâmetros comportamentais como habilidade motora avaliada pela distância percorrida, tempo imóvel e tempo gasto na área periférica foram profundamente afetados. No ensaio bioquímico DCF-DA, as larvas expostas demonstraram uma indução na geração de espécies reativas de oxigênio nas maiores concentrações após 24 horas de tratamento. Através do ensaio utilizando o corante laranja de acridina, foi registrado um aumento do número de células apoptóticas, severos danos ao DNA foram observados através do teste do cometa, seguidos de alterações nas enzimas antioxidantes e AChE. Proteínas de sinalização celular foram moduladas pelo MZ, sendo observada indução na fosforilação de p38, ERK1/2 e AKT enquanto a fosforilação de JNK1/2 foi inibida sem alterar o conteúdo total dessas proteínas. Nossos achados revelam de forma inédita que a fase larval dos peixes é suscetível a doses subletais de MZ, que induzem neurotoxicidade, formação de ERO e modulação da fosforilação de proteínas de sinalização celular. Assim, a exposição ao MZ na fase larval pode comprometer o comportamento exploratório, alimentação e reprodução na fase adulta.
Abstract: The exacerbated use of agrochemicals compromises environmental quality and causes damage to nontarget organisms. Mancozeb (MZ) is a fungicide used in several crops; some aspects of these compounds, such as instability, decomposition, and interactions with the environment, have motivated studies about MZ toxicity on aquatic organisms. The present study evaluates the effects of MZ on behavioral and biochemical parameters in larval phase of Danio rerio (zebrafish). Zebrafish larva at 4, 5- and 6-days post fertilization (dpf) were exposed to environmentally relevant concentrations of MZ until 72 h. MZ did not affect the larvae mortality, however, behavioral parameters such as motor ability evaluated by traveled distance, immobile time, and time spent in the peripheral area were deeply affected. Larvae exposed to the highest MZ concentration at 24 h of treatment demonstrated a significant change in ROS generation. An augmented number of apoptotic cells, severe DNA damage followed by antioxidant enzyme alterations were registered. MZ targeted cell signaling proteins, it was observed and induction in the phosphorylation of p38, ERK1/2, and AKT whereas JNK1/2 phosphorylation was inhibited without altering the total content of these proteins. Our findings reveal in an unprecedented way that the larval phase of fishes is susceptible to sublethal doses of MZ, which induced neurotoxicity, ROS formation, and modulation of phosphorylation of cell signaling proteins.
metadata.dc.subject: Apoptose
Agroquímico
Genotoxicidade
Vias de sinalização
Organismos não alvo
Apoptosis
Agrochemical
Genotoxicity
Non target organism
Signaling pathways
CNPQ: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
Idioma: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
metadata.dc.publisher: Universidade Federal do Pampa
Sigla da Instituição: UNIPAMPA
Campus: Campus São Gabriel
Curso: Doutorado em Ciências Biológicas
metadata.dc.identifier.citation: MARTINS , Illana Kemmerich. Toxicidade do fungicida Mancozeb em larvas de Peixe-zebra Danio rerio (Hamilton , 1822) sobre parâmetros bioquímicos e comportamentais. 2021. 93p. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Pampa, Campus São Gabriel, São Gabriel, 2021.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
metadata.dc.identifier.uri: https://repositorio.unipampa.edu.br/jspui/handle/riu/7195
metadata.dc.date.issued: Mar-2021
???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.appears???Mestrado e Doutorado em Ciências Biológicas

???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.files???
???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.file??? ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.description??? ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.filesize??????org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.fileformat??? 
Toxicidade do fungicida Mancozeb em larvas de Peixe zebra Danio rerio (hamilton 1822) sobre parâmetros bioquímicos e comportamentais.pdf1.83 MBAdobe PDF???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.view???


???jsp.display-item.copyright???