???jsp.display-item.identifier??? https://repositorio.unipampa.edu.br/jspui/handle/riu/5438
Tipo: Dissertação
metadata.dc.title: Interseccionalidade de gênero e raça na docência do ensino superior: representatividade, visibilidade e resistência
metadata.dc.title.alternative: Intersectionality of gender and race in higher education teaching: representativeness, visibility and resistance
Autor(es): Soares, Cristiane Barbosa
Primeiro Orientador: Silva, Fabiane Ferreira da
Resumo: Diante da invisibilidade das mulheres negras no campo educacional e frente a um cenário permeado por processos históricos, sociais, culturais, econômicos e políticos, destacam-se as mulheres negras professoras do ensino superior que se inserem num âmbito que, tradicionalmente, sempre foi ocupado por homens brancos, e recentemente, por mulheres não negras. Assim, quando falamos em mulheres negras falamos de demandas específicas que devem ser articuladas a gênero e raça, pois tais questões tratadas isoladamente não satisfazem a análise da dinâmica das interações sociais existentes. Dessa forma, este trabalho se propõe investigar a presença e a participação das mulheres negras campo da ciência. Para tanto, buscamos conhecer o perfil em gênero e raça que compõe o quadro docente da Universidade Federal do Pampa, investigar a aplicação da Lei 12.990/2014 nos editais de concurso docente desta instituição assim como analisar a procura e avanço de candidatos negras(os) pelas reservas de vagas e também dar visibilidade às mulheres negras docentes do ensino superior que envolvidas com as temáticas de gênero e/ou raça colaboram com a inserção de meninas e mulheres na área científica. A partir da etnografia de documentos, lançamos olhares sob a perspectiva da interseccionalidade a fim de analisar o quadro docente da Unipampa em relação ao perfil de gênero e raça que compõe o corpo docente da instituição. Tal universo subsidiou as problematizações em torno da composição majoritariamente branca ainda predominante no campo científico, a partir de tais discussões permeamos análises sob os editais de ingresso docente da instituição a fim de investigar a aplicação da Lei 12.990/2014, a procura pelas reservas de vagas e o avanço de candidatas(os) negras(os) para a docência de nível superior. Com isso, podemos perceber que a presença das mulheres negras enquanto docentes estão sendo invisibilizadas por um quadro docente que universaliza os sujeitos, principalmente no que tange a categoria mulher, ainda, inferimos que a reserva de vagas raciais não garante a mudança do perfil hegemonicamente branco de uma instituição. Subsidiadas por tais reflexões e problematizações procuramos retirar as mulheres negras da invisibilidade de um quadro docente geral, buscando olhar para as docentes negras presentes na Unipampa e que, envolvidas pelas temáticas de gênero e raça, colaboram com possibilidades de empoderamento de meninas e mulheres negras. Refletimos sobre que a importância de suas presenças no campo científico vai para além da representatividade, permeiam a construção de novas epistemologias ampliando as possibilidades de produção de saberes não hierarquizados. Com isso, acreditamos que esta pesquisa vem contribuir com a produção de pesquisas qualitativas que versam sobre a presença e participação da mulher negra no campo científico. A partir disto, acreditamos que esta pesquisa poderá fomentar outras problematizações para se pensar em estratégias de enfrentamento a desigualdade racial e de gênero no contexto acadêmico.
Abstract: Faced with the invisibility of black women in the educational field and in the face of a scenario permeated by historical, social, cultural, economic and political processes, black women teachers of higher education stand out who fall into a field that, traditionally, has always been occupied by white men, and recently, by non-black women. Thus, when we speak of black women, we speak of specific demands that must be articulated to gender and race, as such issues treated in isolation do not satisfy the analysis of the dynamics of existing social interactions. Thus, this work aims to investigate the presence and participation of black women in the field of science. To this end, we seek to know the gender and race profile that makes up the teaching staff of the Federal University of Pampa, investigate the application of Law 12.990 / 2014 in the teaching competition notices of this institution as well as analyze the search and advancement of black candidates due to the availability of vacancies and also to give visibility to black women professors of higher education who are involved with the themes of gender and / or race, collaborate with the insertion of girls and women in the scientific area. From the ethnography of documents, we take a look from the perspective of intersectionality in order to analyze the teaching staff of Unipampa in relation to the gender and race profile that makes up the faculty of the institution. This universe subsidized the problematizations surrounding the mostly white composition still prevalent in the scientific field, from such discussions we permeated analyzes under the institution's teaching admission notices in order to investigate the application of Law 12.990 / 2014, the search for vacancy reservations and the advancement of black candidates for higher education. With this, we can see that the presence of black women as teachers are being made invisible by a teaching staff that universalizes the subjects, especially with regard to the category of women, yet we infer that the reservation of racial vacancies does not guarantee the change of the hegemonically white profile of an institution. Subsidized by such reflections and problematizations, we seek to remove black women from the invisibility of a general teaching staff, seeking to look at the black teachers present at Unipampa and who, involved by the themes of gender and race, collaborate with possibilities of empowerment of black girls and women. We reflected that the importance of their presence in the scientific field goes beyond representativeness, permeating the construction of new epistemologies, expanding the possibilities of producing non-hierarchical knowledge. Thus, we believe that this research contributes to the production of qualitative research that deals with the presence and participation of black women in the scientific field. Based on this, we believe that this research can foster other problematizations to think about strategies to face racial and gender inequality in the academic context.
metadata.dc.subject: Raça
Gênero
Docência
Ensino superior
Race
Gender
Teaching
University education
CNPQ: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS
Idioma: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
metadata.dc.publisher: Universidade Federal do Pampa
Sigla da Instituição: UNIPAMPA
Campus: Campus Uruguaiana
Curso: Mestrado em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde
metadata.dc.identifier.citation: SOARES, Cristiane Barbosa. Interseccionalidade de gênero e raça na docência do ensino superior: representatividade, visibilidade e resistência. 114 p. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde) – Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, 2020.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
metadata.dc.identifier.uri: http://dspace.unipampa.edu.br:8080/jspui/handle/riu/5438
metadata.dc.date.issued: 2020
???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.appears???Mestrado e Doutorado em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde

???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.files???
???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.file??? ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.description??? ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.filesize??????org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.fileformat??? 
CRISTIANE BARBOSA SOARES.pdf1.32 MBAdobe PDF???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.view???


???jsp.display-item.copyright???