???jsp.display-item.identifier??? http://dspace.unipampa.edu.br:8080/jspui/handle/riu/5373
Tipo: Dissertação
metadata.dc.title: Meu celular, meu vício: um estudo sobre dependência de smartphone nos universitários das instituições públicas de ensino superior do Brasil
metadata.dc.title.alternative: My cell phone, my addiction: a study on smartphone dependence in university students of public institutions of higher education in Brazil
Autor(es): Amorim, Rafael Machado
Primeiro Orientador: Corso, Kathiane Benedetti
1° Membro da banca: Cassanego Júnior, Paulo Vanderlei
2° Membro da banca: Ferraz, Rafael Camargo
3° Membro da banca: Lima, Julyane Felipette
Resumo: Desde meados dos anos 2000, os smartphones passaram a fazer parte do cotidiano das pessoas. Crianças facilmente possuem mais registros audiovisuais em um ano do que seus antepassados têm em uma vida inteira, sendo isso uma das consequências da constante evolução das capacidades multimídia dos telefones celulares. Com isso, é cada vez mais comum ver pessoas com dependência comportamental por seus dispositivos. Os estudos apontam que os jovens são mais propensos a esse quadro. Diante desse cenário, como se dá o comportamento de dependência de smartphone dos universitários das Instituições Públicas de Ensino Superior do Brasil? Para responder essa questão, objetiva-se analisar o comportamento de dependência de smartphone dos universitários das Instituições Públicas de Ensino Superior do Brasil e, através de um pré experimento de caso único, o aplicativo "Meu Celular, Meu Vício" (MCMV) para smartphones com sistema operacional Android foi desenvolvido com o objetivo de registrar, além dos hábitos de uso, as respostas do teste de dependência de smartphone SPAI-BR e do questionário sócio econômico. A amostra validada pelos parâmetros definidos foi de 66 pesquisados (38% homens, 62% mulheres), 86% solteiros, de todas as regiões do país, em todos os níveis de educação superior (graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado). Os resultados indicam uma prevalência geral da dependência de smartphone de 63% (53% homens, 70% mulheres). O tempo médio de uso do smartphone medido pelo MCMV foi de mais de 6 horas por dia, e em média ocorreram 70 desbloqueios do dispositivo por dia. Também foi registrado o número e o tempo das ativações da tela por curtos períodos (92 vezes ao dia, com duração de 4 segundos cada, em média). Por fim, os cincos aplicativos com maior número de execuções pertencem as categorias de Bate-papo/Comunicação e de Redes Sociais. Contudo, os maiores tempos são registrados nos aplicativos das categorias de Vídeos e Filmes/Séries Online. Este trabalho apresenta ainda, como contribuições no âmbito social, que quanto mais aprofundado forem os estudos sobre a dependência de smartphone, melhores políticas sociais podem ser criadas pelo governo. Na esfera privada, os resultados encontrados permitem ao gestor o desenvolvimento de ações de conscientização para uso adequado do dispositivo. Por fim, na área acadêmica, tem-se as revisões de literatura sobre os principais trabalhos no assunto, bem como os testes de dependência desenvolvidos, o desenvolvimento do aplicativo para coleta de dados e os algoritmos para recepção dos dados coletados. Destaca-se ainda que este é um dos primeiros trabalhos em território nacional a utilizar um aplicativo no smartphone do participante para a coleta dos dados.
Abstract: Since the mid-2000s, smartphones have become part of people's daily lives. Children easily have more audiovisual records in a year than their ancestors have in a lifetime, which is one of the consequences of the constantly evolving multimedia capabilities of cell phones. As a result, it is increasingly common to see people with behavioral dependence on their smartphones. Studies show that young people are more prone to this condition. Given this scenario, how is the smartphone addiction behaviour of student of Brazilian public higher education institutions? To answer this question, the main objective of this work is analyze the smartphone addiction behavior in students from Brazilian public higher education institutions using an single case pre-experiment, and an application called "My Smartphone, My Addiction" (MCMV) was developed to Android smartphones with the purpose of record, besides use habits, the answers from of Smartphone Addiction Inventory test and socioeconomic questionnaire. The sample validated by the defined parameters was 66 subjects (men=38%, woman=62%), 86% singles, from all region from Brazil, in all high education levels (undergraduate, graduate, masters and doctorate). The results showed a general prevalence of smartphone addiction of 63% (men=53%, woman=70%). The smartphone uses average time measured by the MCMV is then more of 6 hours in a day, and occur 70 smartphone unlocks daily, on average. The app registered also how many times and how much time was spent in smartphone short verifications (92 times in a day, with every check spent 4 seconds, on average). Finally, five applications with the highest number of executions belong to the Chat/Communication and Social Network categories. However, the biggest use times registered are from apps from Video and Movies/TV shows categories. Also, this dissertation shows, as social contributions, that the more in-depth the study of smartphone addictions are, the better social policies can be created by the government. In private sector, the results allowed the main board the development of actions to awareness of the proper use of this device. In the end, the contributions in academic area are the reviews of literature about main works, and the smartphone addiction tests created, the development of app and data collection receive algorithm. It should also be noted that this is one of the first works in Brazil to use an application on the participant's smartphone for data collection.
metadata.dc.subject: Aplicativo
Dependência de Smartphone
Uso Problemático
Celular
Universidade
App
Smartphone addiction
Problematic use
Cell phone
University
CNPQ: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
metadata.dc.publisher: Universidade Federal do Pampa
Sigla da Instituição: UNIPAMPA
Campus: Campus Santana do Livramento
Curso: Mestrado Acadêmico em Administração
metadata.dc.identifier.citation: AMORIM, Rafael Machado. Meu celular, meu vício: um estudo sobre dependência de smartphone nos universitários das instituições públicas de ensino superior do Brasil. 171 p. Dissertação (Mestrado em Administração), Universidade Federal do Pampa, Santana do Livramento, 2020.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
metadata.dc.identifier.uri: http://dspace.unipampa.edu.br:8080/jspui/handle/riu/5373
metadata.dc.date.issued: 30-Mar-2020
???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.appears???Mestrado em Administração

???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.files???
???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.file??? ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.description??? ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.filesize??????org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.fileformat??? 
Rafael Machado Amorim - 2020.pdf3,46 MBAdobe PDF???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.view???


???jsp.display-item.copyright???