Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.unipampa.edu.br:8080/jspui/handle/riu/1558
metadata.dc.type: Tese
Title: Alterações metabólicas induzidas por uma dieta rica em gordura em Drosophila melanogaster e os efeitos da hesperidina
metadata.dc.creator: Paula, Mariane Trindade de
metadata.dc.contributor.advisor1: Prigol, Marina
metadata.dc.description.resumo: Os efeitos deletérios de dietas como, por exemplo, as dietas ricas em gorduras (DRG) estão, cada vez mais, sendo estudados uma vez que eleva os níveis de triglicerídeos (TGC), causando um acúmulo de gordura, diminuindo a tolerância ao estresse e, consequentemente, propiciando o desenvolvimento de doenças e complicações que levam a diminuição da expectativa de vida e/ou morte precoce dos indivíduos. A hesperidina (Hesp), um flavonóide cítrico, já demonstrou ter propriedades antioxidantes representando um potencial agente protetor contra danos ligados à obesidade. Assim, o objetivo deste estudo foi investigar as alterações comportamentais, bioquímicas e genéticas induzidas por uma DRG em exemplares adultos e descendentes da mosca da fruta Drosophila melanogaster, bem como os efeitos terapêuticos da Hesp frente a estas alterações. Através deste estudo avaliou-se os danos oxidativos, a atividade e expressão de enzimas antioxidantes, como a superóxido dismutase (SOD) e catalase (CAT), e expressão de mRNA de enzimas envolvidas no metabolismo dos ácidos graxos como acetil-CoA sintetase (ACeCS 1) e acil-CoA sintetase (ACSL 1) e modulação da via de sinalização de estresse. Como resultados, nosso estudo demonstrou pela primeira vez que as moscas progenitoras adultas alimentadas por sete dias com DRG têm um desempenho locomotor reduzido, um aumento da ACeCS 1 e ACSL 1, aumento na produção de espécies reativas e substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico, aumento da expressão da proteína de choque térmico 83 (HSP83) e proteína quinase ativada por mitógenos 2 (MPK2), encurtando a vida útil destas moscas. Além disso, DRG quando adicionada durante todo o período de desenvolvimento embrionário, causa nas moscas descendentes um aumento nos níveis de TGC e glicose, juntamente com um aumento no nível de expressão de mRNA de DILP6, uma diminuição na enzima ACeCS1 presente no metabolismo de ácidos graxos, SOD e CAT em níveis de expressão de mRNA e diminuição da atividade de CAT. Os resultados observados a partir do co-tratamento com a Hesp e a DRG, este composto mostrou ser eficaz na redução de alguns parametros de alterações metabólicas, melhorou os níveis de TGC, glicose, parametros de estresse oxidativo, manteve a viabilidade celular e mitocondrial, melhorou o desempenho locomotor e atividade da enzima acetilcolinesterase (AChE), aumentando a expectativa de vida das moscas progenitoras. Em relação às moscas descendentes, a Hesp melhorou os níveis de TGC, diminuiu os níveis de glicose protegendo contra um possível desenvolvimento de sintomas pré-diabéticos, melhorando a taxa de eclosão dos ovos e expectativa de vida. Portanto, através deste estudo revelamos um eficiente papel protetor do flavonóide Hesp no tratamento de moscas progenitoras ou descendentes que receberam DRG demonstrando assim que este composto é capaz de atenuar alterações metabólicas, estresse oxidativo e sinalização de proteínas causadas pela obesidade.
Keywords: Oxidative stress
Flavonoid
Acyl-CoA Synthetase
Drosophila melanogaster
Bioquímica
Estresse oxidativo
Flavonóide
Acetil-CoA Sintetase
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
Publisher: Universidade Federal do Pampa
metadata.dc.rights: Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/
URI: http://hdl.handle.net/riu/1558
Issue Date: 2017
Appears in Collections:Mestrado e Doutorado em Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MARIANE TRINDADE DE PAULA.pdf5,48 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons