Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.unipampa.edu.br:8080/jspui/handle/riu/1348
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Estratigrafia de sequências e cronoestratigrafia sísmica da porção central da Bacia de Pelotas, Brasil
metadata.dc.creator: Correa, Samuel Aparecido da Silva
metadata.dc.description.resumo: A partir do Neocomiano, bacias do tipo rifte foram originadas durante o processo de abertura continental que fragmentou o Supercontinente Gondwana. Nesse contexto, desenvolveu-se a Bacia de Pelotas no extremo sul da Margem Continental Brasileira, sendo precursora das demais bacias localizadas a nordeste. Instalando-se parte sobre a crosta continental e parte sobre a crosta oceânica, foi preenchida por rochas sedimentares e vulcânicas deste o Mesozoico até o Recente, recebendo uma espessa sequência de sedimentos, que inclui, principalmente, folhelhos e arenitos, e subordinadamente, carbonatos, conglomerados e rochas basálticas extrusivas. A Estratigrafia de Sequências, alvo do escopo deste trabalho, é o ramo da estratigrafia que se dedica ao entendimento do arcabouço estratigráfico de bacias sedimentares por meio da análise da resposta sedimentar ás mudanças do nível de base, e das tendências deposicionais que emergem da relação entre o espaço de acomodação e do aporte sedimentar. Para isto foi utilizado o software Opendtect Pro® (versão licença acadêmica) que permite o processamento, análise e visualização sísmica de uma bacia sedimentar em um fluxo de trabalho cognoscível. O dado sísmico de uma linha localizada na porção central da Bacia de Pelotas forneceu a base para a interpretação e hierarquização das sequências para essa bacia. Utilizou-se como base para a intepretação sísmica os horizontes anteriormente descritos e bioestratigraficamente já calibrados disponíveis na literatura para essa bacia. A partir da análise da seção foi possível reconhecer e hierarquizar as sequências da Bacia de Pelotas a um nível maior de detalhe, ainda não observado para esta bacia, sendo construída a partir desses resultados uma carta dentro do arcabouço cronoestratigráfico para a Bacia de Pelotas.
Abstract: From the Neocomian, rift-type basins originated during the process of continental opening that fragmented the Gondwana Supercontinent. In this context, the Pelotas Basin was developed in the southern end of the Brazilian Continental Margin, being precursor of the other basins located to the northeast. A part of the continental crust and part of the oceanic crust was filled by sedimentary and volcanic rocks from the Mesozoic to the Late, receiving a thick sequence of sediments which mainly includes shales and sandstones and, Conglomerates and extrusive basaltic rocks. Sequence Stratigraphy, the scope of this work, is the branch of stratigraphy that is dedicated to understanding the stratigraphic framework of sedimentary basins by analyzing the sedimentary response to changes in the baseline level and the depositional tendencies that emerge from the relationship between The space of accommodation and the sedimentary contribution. For this, the Opendtect Pro® software (academic license version) was used to allow the processing, analysis and visualization of a sedimentary basin in a knowable workflow. The seismic data from a line located in the central portion of the Pelotas Basin provided the basis for the interpretation and hierarchy of the sequences for this basin. The horizons previously described and biostratigraphically calibrated available in the literature for this basin were used as the basis for the seismic interpretation. From the analysis of the section it was possible to recognize and hierarchize the sequences of the Pelotas Basin at a higher level of detail, not yet observed for this basin, and from these results a chart was built within the chronostratigraphic framework for the Pelotas Basin.
Keywords: Estratigrafia de sequências
Cronoestratigrafia
Bacia de Pelotas
Sequence stratigraphy
Pelotas Basin
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::ENGENHARIAS
Publisher: Universidade Federal do Pampa
metadata.dc.publisher.department: Campus Caçapava do Sul
Citation: CORREA, Samuel Aparecido da Silva. Estratigrafia de sequências e cronoestratigrafia sísmica da porção central da Bacia de Pelotas, Brasil. 2016. 99 f. Trabalho de Conclusão de Curso - Curso de Geologia, Universidade Federal do Pampa, Caçapava do Sul, 2016.
URI: http://hdl.handle.net/riu/1348
Issue Date: 2016
Appears in Collections:Geologia



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.